Tailândia começa operação de resgate de meninos presos em caverna

(Foto: Divulgação da Marinha Tailandesa/AFP Photo)

A Tailândia começou na madrugada deste domingo (8) – horário no Brasil, manhã na Tailândia – a operação de resgate dos 12 meninos – de 11 a 16 anos – e seu treinador de futebol, presos em uma caverna no distrito de Chiang Rai desde o dia 23 de junho, informou o governador local, Narongsak Osottanakorn.

Dezoito mergulhadores, sendo 13 especilaistas internacionais e cinco tailandesas, entraram na caverna e inicaram a jornada até o grupo isolado no interior da montanha. Toda a operação pode durar até 4 dias.

As equipes começaram a esvaziar a área para a operação de resgate no final da noite deste sábado (7) – horário no Brasil. A ordem de evacuação foi do comandante da polícia Komsan Sa-ardluan em um alto-falante, segundo “The Guardian”.

Foram desobstruídas a área no entorno da entrada caverna e também as estradas de acesso à região.

Embora as equipes de resgate tenham conseguido retirar uma grande quantidade de água do sistema de cavernas, só é possível percorrer sem grandes perigos 1,5 km dentro da montanha. Mas a maior parte da jornada ainda é muito traiçoeira. Um mergulhador experiente leva até 11 horas para uma viagem de ida e volta.

Os 12 meninos e seu treinador e as famílias do grupo foram informados sobre o início da operação.

Equipes médicas estão se preparando há três dias para receber o grupo. Os primeiros meninos devem sair da caverna no início da noite de hoje.

 

Por G-1