HOME
NOTÍCIAS
CRÔNICAS
ARTIGOS
CIPÓ
RECADOS
FOTOS
SITES
CONTATO
WEBMAIL JI
O JORNAL DA ILHA - Aderaldo Reis é denunciado por calúnia contra Hudson Lima

Aderaldo Reis é denunciado por calúnia contra Hudson Lima
quinta-feira - 12/01/2012 03:33:52

Até a vereadora Vanessa Gonçalves (PMDB), uma das proprietárias da Rádio Clube se manifestou, compartilhando com o jornalista Hudson Lima. “Se errou tem que pagar pelos erros quem quer que seja”, disse a vereadora.

O jornalista Hudson Lima moveu ação judicial por calúnia injúria e difamação, além de requerer indenização pecuniária de 40 salários mínimos por danos morais contra o coordenador de jornalismo da Rádio Clube de Parintins, radialista Aderaldo Reis, que também assina coluna no site Rildo Maia.com. A ação foi impetrada no Juizado Especial Civil do Fórum de Justiça na manhã desta quarta-feira, dia 11 de janeiro, pelo advogado Fábio Cardoso. “Ele é uma pessoa que não procura verificar a veracidade dos fatos e divulga mentira como se fosse verdade”, disse Dr. Fábio.
O motivo da representação na justiça se deu devido Aderaldo Reis ter publicado matéria jornalística falsa no Jornal da Clube, levado ao ar na manhã do dia 11 passado, a qual divulgou que o repórter Hudson Lima, na qualidade de assessor de imprensa da Câmara Municipal de Parintins e assessor parlamentar do deputado estadual Tony Medeiros teria se envolvido em acidente de trânsito por está com sintomas de embriaguês alcoólica e ainda ter desacatado as autoridades policiais que foram atender a ocorrência.
Hudson Lima afirmou que quem se envolveu em acidente de trânsito foi o irmão dele, o também jornalista Judson Lima, e que no momento do episódio estava em sua residência em companhia de sua esposa e de seus filhos. “Isso é lamentável porque uma emissora conceituada como a Rádio Clube não pode ter pessoas sem responsabilidade que passam descredibilidade. Na academia você aprende que as notícias têm muitos valores seja ideológico, mercadológico, mas o fato é imutável, é imanipulável. Os dinossauros que não entendem isso acabam fazendo besteiras”, afirmou.

Solidariedade

Muitas mensagens de solidariedade foram enviadas ao jornalista desde que a mentira fora publicada. Até mesmo a vereadora Vanessa Gonçalves (PMDB), uma das proprietárias da Rádio Clube se manifestou, compartilhando o desabafo do repórter Hudson Lima. “Olha Hudson eu tenho amizade com você e o Aderaldo. Se errou tem que pagar pelos erros quem quer que seja. Agora você conhece muito bem a minha índole. Meu tipo de fazer politica é outro”, frisou. Outro profissional de comunicação que comentou na rede social foi Rony Belchior, radialista da Globo Tiradentes FM: “De fato, meu caro repórter Hudson Lima, o rádio em Parintins deve começar a rever conceitos e perceber "que o novo sempre vem" e isso às vezes não é aceito por certos "profissionais". Vivemos um novo momento, um rádio mais dinâmico.O amadorismo e a falta de ética profissional são males comuns para o fim da carreira de qualquer comunicador".

Defesa

No programa de rádio “Nas ondas do rádio”, apresentado todas as tardes por Hudson Lima na Rádio Clube de Parintins ele mandou um recado para ao pseudo apresentador de TV, conhecido na cidade como “Vingador”, que através do cinegrafista Adriano Sena, também estava produzindo uma notícia falsa com igual sentido da matéria de Aderaldo Reis. “Tenho maior respeito e consideração ao ex-prefeito Enéas Gonçalves e seu grupo, agora político que já foi cassado e agora quer ser o dono da verdade vou detonar, até mesmo o caso de pedofilia por ele praticado”, desabafou.

Reincidência

Não é a primeira vez que o radialista Aderaldo Reis sofre ação judicial. Em 2008 ele foi condenado pela justiça a pagar cestas básicas a famílias carentes pelo fato de ter proferido comentários e afirmações mentirosas na Rádio Clube contra os profissionais do Centro Especializado em Odontologia (CEO), na pessoa de sua diretora Leandra Valadares. Em outro momento, Aderaldo Reis se envolveu no caso conhecido como “Farsa do Areal”.
Integrando uma quadrilha que armou contra dois candidatos a prefeitos antes das eleições de 1994, Aderaldo noticiou que um rapaz de alcunha “Zé do Caixão” confessava o assassinato do jovem José Augusto, na área do areal, a mando de dois políticos. Pela farsa Aderaldo foi preso e respondeu processo. O diretor de jornalista da Rádio Clube, também responde processo na qual a Articulação Parintins Cidadã, pede indenização de 10 mil reais, por supostas calunias, feitas pelo radialista Aderaldo Reis.
Na página do Fecebook Hudson Lima publicou nota que diz: “O farsante, que ainda é academico da UFAM, armou contra o ex-prefeito Enéas e o Vingador Carbrás e agora é mais novo da equipe. Não cabe mais em Parintins, esse tipo de farsante, temos universidades e ainda tem pessoas daquela epoca da quadrillha da farsa do crime do areial fazendo esse tipo de coisa”.
Em outro trecho Lima salienta se referindo ao grupo político do ex-prefeito Enéas Gonçalves afirma: “É por isso que o grupo político tá desse jeito, farsante ultrapassado, quer detonar monte estratégias diferentes!! Obrigado as pessoas que me ligaram logo pela manhã pra prestar solidariedade e também saber se era verdade”.

Marcondes Maciel/JI

1308 visitas

Compartilhe esta notícia:

< Notícias

 

As 5 últimas:

21/08/2014 05:46:31
Parintinenses representam o Amazonas nos Jogos da Juventude
campeões do Atletismo Vitor Ferreira e Otávio de Souza


21/08/2014 05:25:01
“É em defesa da população que devemos trabalhar”, destaca Nelson Campos
vereador Nelson Campos (PRTB)

21/08/2014 05:12:17
Flamengo vence o Atlético-MG de virada no Maracanã
O Maracanã cheio é capaz de grandes feitos quando se trata de Flamengo.

20/08/2014 15:23:46
COMJEL anuncia campeonato de base
coordenador de Esporte do Município Carlos Meirelles

20/08/2014 03:53:08
Marinha apura publicação da foto de prova durante concurso para escola
'Que comece a prova! Ao vivo', teria escrito aluno em grupo do Facebook.

 

7.755.372 pageviews desde 2009.

 

Parceiro Baranda